Available Filters

Estrada Bragança-Ajuruteua (PA-458): desenvolvimento e progresso (1975-1984)

Alexandre de Brito Alves

Para compartilhar:

Descrição

PREFÁCIO

O texto que compõe este pequeno livro foi publicado em 2016 na Revista Ars Histórica, no Programa de Pós-Graduação em História Social da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Para esta publicação realizei uma releitura do material, corrigi os erros e mudei um pouco a gramática e a ortografia. Troquei palavras e ajustei a pontuação, de modo a tornar a leitura compreensiva ao um público mais amplo; no entanto, preocupei-me em preservar as ideias centrais, presentes na primeira folha.

Ao ler o material adiante o leitor terá contato com partes dos resultados de minhas pesquisas, que são realizadas desde 2010. O foco da reflexão gira em torno dos motivos que conduziram a criação da Estrada Bragança-Ajuruteua (PA-458), pois nas décadas de 1970, diversos atores políticos idealizaram a via como um aspecto considerado importante para conduzir Bragança ao progresso e ao desenvolvimento: dois domínios ideológicos muito utilizados pelo Regime Civil-Militar (1964-1985). Com efeito, as políticas públicas instituídas em Bragança foram influenciadas pelo sistema ideológico e as estruturas de poder do contexto.

Quanto a sua contribuição científica, as considerações do autor são triviais aos pesquisadores e as pessoas não especialistas interessadas na história da referida cidade e na compreensão e interpretação dos projetos direcionados a Região Bragantina a partir da década de 1960.

Alexandre de Brito Alves
12.02.2022

Informação adicional

Ano de lançamento

2022

Número de páginas

52

ISBN [e-book]

978-65-5869-727-5

Autoria

Alexandre de Brito Alves

Formato

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Apenas clientes logados que compraram este produto podem deixar uma avaliação.