Available Filters

História indígena e do indigenismo na Amazônia.

Sara Concepción Chena Centurión, Sara da Silva Suliman

Para compartilhar:

Descrição

APRESENTAÇÃO

II Encontro de História Indígena e do Indigenismo na Amazônia (II EHIIA), realizado pelo Grupo de Pesquisa de História Indígena e do Indigenismo na Amazônia (GP HINDIA), ocorreu em Belém/PA, nos dias 5, 6 e 7 de outubro de 2016, na Universidade Federal do Pará (UFPA), no Auditório do Setorial Básico, com apoio do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH), do Programa de Pós-Graduação em História (PPHIST), da Faculdade de História (FAHIS) e Museu Paraense Emílio Goeldi (MPEG).

Promovido anualmente, os encontros organizados pelo Grupo de Pesquisa HINDIA se destacaram por reunir professores e estudantes de graduação, mestrado e doutorado, no âmbito nacional e internacional, indígenas e não-indígenas, que se dedicam à temática indígena e indigenista, através da apresentação de mesas, conferências, simpósios temáticos e minicursos.

Nesta edição, as linhas de pesquisa do GP HINDIA foram apresentadas a comunidade acadêmica através dos simpósios temáticos “História Indígena”, “História do Indigenismo”, “Ensino de História e Educação Indígenas”, e “Formas de Expressão Indígena e Representações sobre os Indígenas”, possibilitando a socialização de pesquisas consolidadas e em andamento. Além das apresentações de artigos e pesquisas, buscou-se promover maior interação entre os participantes através dos minicursos sobre temas relacionados à Cultura Material Anambé, Epidemias na Amazônia colonial, Lutas políticas indígenas no caso Belo Monte, Possibilidades de pesquisa em História indígena na Amazônia imperial e Espaço escolar e a temática indígena.

Como forma de tornar este encontro ainda mais salutar e promover discussões a partir da perspectiva indígena, a conferência de abertura contou com a participação de Professor e Mestre Uwira Xakriabá, à época, estudante de mestrado do Programa de Pós-Graduação em Antropologia (PPGA), na UFPA. Uma mesa-redonda discutiu o desafio de se escrever história indígena na Amazônia, com a participação dos professores Mauro Coelho (UFPA), Décio Guzman (UFPA) e Patrícia Sampaio (UFAM), que também foi convidada para a conferência de encerramento

O Grupo de Pesquisa HINDIA foi idealizado a partir da reunião de pesquisadores em um Grupo de Trabalho sobre História Indígena e Indigenista, coordenado pelos professores Márcio Couto e Décio Guzman, que ocorreu na edição regional da Associação Nacional dos Professores Universitários de História (ANPUH – Seção Pará), em 2012, na UFPA. No ano seguinte, o grupo já se reunia e promovia debates, porém foi somente em 2015 que promoveu o I EHIIA. Atualmente, o GP HINDIA possui cinco linhas de pesquisa: “História indígena e etno-história”; “Espacialidades e relações interétnicas”; “Políticas indígenas e indigenistas”; “Formas de expressão indígena e representações sobre os indígenas”; “Ensino de História e história indígena”, das quais participaram quase 60 pessoas, entre professores e estudantes dos diferentes estágios de formação.

É com grande satisfação que, após dois anos do II EHIIA, finalmente, este Comitê conseguiu sanar a dívida com os participantes do evento e do GP HINDIA através da publicação dos artigos submetidos. Como não poderia ser diferente, agradecemos a todos os autores pela espera, pela escolha de nosso evento como fórum de publicação para seus trabalhos e a todos os participantes que promovem esta comunidade.

Agradecemos também a todas as instituições e organizações que apoiaram a realização deste evento, tornando-o possível. Este encontro não seria possível sem os esforços das várias pessoas envolvidas em sua organização que fazem parte do GP HINDIA.

Belém, maio de 2018.

Informação adicional

Ano de lançamento

2018

ISBN [e-book]

978‐85‐7993-540-4

Número de páginas

275

Organização

Sara Concepción Chena Centurión, Sara da Silva Suliman

Formato